Iniciativa da Adial gera economia de até 50% para empresas goianas

Otávio Lage explica como funciona

Goiânia – Iniciativa da Associação Pró-Desenvolvimento Industrial do Estado de Goiás (Adial), o projeto ‘Adial Negócios’ visa levar mais economia aos empresários goianos. Por meio de um clube de compras, várias empresas de grande porte no Estado podem se unir e negociar a redução de custos em larga escala.

“Estamos dando continuidade a um trabalho que foi iniciado pelo ex-presidente da Adial, Cesar Helou, que é a implantação da Adial Negócios. A união dessas empresas cria um mercado maior e a gente consegue preços menores naquilo que é em comum entre todos nós”, explicou o presidente da Associação, o empresário Otávio Lage de Siqueira Filho.

Otávio Lage, que também é diretor-presidente da Jalles Machado, um dos maiores grupos do setor sucroenergético do Centro-Oeste, destacou que em alguns casos a economia pode atingir até 50%. No geral, o projeto oferece uma média de economia de 19%.

Recentemente o Grupo Jalles Machado, por meio do Adial Negócios, assinou com a TIM o projeto “4G TIM no Campo”. O projeto visa utilizar a tecnologia móvel 4G para dar agilidade na comunicação entre as atividades realizadas no campo com o escritório, além de melhorar os processos de produção da companhia.

Segundo Otávio Lage, a iniciativa é inovadora no Brasil. “A operadora fez uma negociação com as empresas que querem implantar um sistema específico para sua área utilizado a tecnologia 4G. A proposta garante uma frequência de ondas que atinge um raio maior de alcance”, disse. “Com isso, a gente consegue fazer com que os dados do campo cheguem ao nosso escritório com mais agilidade. Isso possibilita uma capacidade de gestão muito grande para a empresa e a gente também consegue tarifas mais baratas”, destacou o empresário.

“Estamos bastante otimistas com essa parceria inédita de cobertura. O Brasil tem um riquíssimo setor de agronegócio e poder levar tecnologia e inovação para este segmento, garantindo extremo ganho para o sistema produtivo das empresas e da população. Estamos trabalhando fortemente para que o conceito de ‘Agricultura 4.0’ se torne uma realidade em diversas regiões do nosso país”, explicou Paulo Humberto Gouvêa, diretor de Top Clients Solutions da TIM Brasil.

Entre os serviços que podem ser negociados por meio do programa estão vale refeição/alimentação, telecomunicação, terceirização de impressões, aluguel de veículos leves, diesel e lubrificantes e seguro de vida.

Via A Redação | Foto:  Divulgação / Jalles Machado

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *