ICMS e ITCD frustraram expectativas do governo

Apesar de considerar que o Estado conseguiu neutralizar a crise econômica no primeiro semestre, a secretária da Fazenda, Ana Carla Abrão, reconhece que alguns resultados não seguiram o esperado. A arrecadação de R$ 391 milhões a mais de ICMS foi reflexo principalmente de ação fiscal, de combate à sonegação. Já o ITCD, com R$ 22 milhões a mais, refletiu mudança na legislação. “O impacto foi pequeno diante do que esperávamos, pois tiveram majoração da alíquota”, justifica.

Ela avalia que no caso do ITCD, houve um adiamento de transferências e uma antecipação no final do ano passado para não pagar imposto mais caro. Já o ICMS “veio em uma linha próxima ao do primeiro semestre do ano passado, o que gerou uma frustração”, admite. Apenas o IPVA seguiu o que era esperado, como pontua. “Mas minha expectativa era recuperação da dívida ativa”. Porém, afirma que a maior arrecadação é positiva, inclusive para os municípios.

54534354

Via O Popular | Katherine Alexandria

Leave a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *